segunda-feira, 23 de maio de 2011

Panna Cotta de Coco com cobertura de Amoras da Quinta

Usei:
400 ml de natas frescas
400 ml de leite de coco (1 lata)
vagem de baunilha
5 folhas de gelatina neutra - para a próxima usarei 7
3/4 de açúcar amarelo
Para a cobertura:
cerca de 150 gr de amoras da quinta dos tios (andavam esquecidas na gaveta da arca)
sumo de limão (cerca de meio limão) e um pouco da casca do mesmo
1 pau de canela
vinho do Porto q.b.
açúcar cerca de 2 colheres de sopa

Coloque numa panela as natas, o leite de coco, a vagem da baunilha (abra-a ao meio e com a ajuda de uma faca retire o seu interior e junte às natas, assim como a vagem - usei cerca de metade) e o açúcar.
Leve ao lume, mexa, tire antes de ferver.
À parte humedeça as folhas de gelatina num pouco de água e junte-as ao preparado anterior. Envolva e verta para um recepiente, ou várias taçinhas.
Uma achega, use 7 folhas de gelatina, porque a minha Panna Cotta, desmoronou, ficou pouco sólida. E o mais engraçado é que tinha duas receitas uma delas com 5 folha e a outra com 7, mas nesta fase de contenção obtei pela de 5.
Leve ao frio pelo menos 4 horas (o melhor é fazer de véspera).
Faça a cobertura, colocando numa panela pequena, as amoras, o açúcar, o sumo e casca do limão, o vinho do Porto e o pau de canela. Leve ao lume até obter uma calda.
Desenforme a Panna Cotta e coloque sobre ela a cobertura.
O sabor estava óptimo, a consistência pouco firme.
A repetir com mais folhas de gelatina e quem sabe outros sabores (cobertura de chocolate, panna cotta só com natas e baunilha, etc...)
Agradável e fresquinha como o tempo pede.
Boa semana!

Sem comentários:

Enviar um comentário